Entenda a Nova Lei sobre o Imposto e Contribuição sobre Bens e Serviços

A partir de 2026, operações imobiliárias como construção, incorporação, locação e alienação estarão sujeitas ao Imposto sobre Bens e Serviços (IBS) e à Contribuição sobre Bens e Serviços (CBS). As alíquotas variam de 3% a 5%, dependendo da operação.

Os contribuintes poderão escolher entre quatro regimes de tributação: não cumulativo pleno, não cumulativo com limitação de crédito, cumulativo e isenção. O IBS substituirá o ITBI em transações como permuta de bens imóveis, transferência por sucessão, doação, comodato, constituição e extinção de usufruto, usucapião, entre outras.

Saiba mais sobre como essas mudanças podem impactar suas operações imobiliárias e prepare-se para o futuro do mercado imobiliário!

Ainda com dúvidas? Fale agora com um especialista diretamente no WhatsApp:

Deixe seu Comentário:

Compartilhe:

Últimos Artigos:

ITBI: Entenda o que é o imposto

ITBI: Entenda o que é o imposto

O Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) é um tributo municipal que incide sobre a transmissão “inter vivos” de…
Impactos do PL 3/2024 no direito societário: Entenda as mudanças na lei de falências

Impactos do PL 3/2024 no direito societário: Entenda as mudanças na lei de falências

O Projeto de Lei nº 3/2024 propõe alterações na Lei de Falências e Recuperação de Empresas (LFRE), visando agilizar o…
IA no direito societário?

IA no direito societário?

Saiba como a inteligência artificial está desburocratização o direito societário: Recentemente, o Departamento Nacional de Registro Empresarial e Integração (DREI)…